Apresentação


“A história modelou os valores humanos, os receios, as aspirações, os amores e os ódios. Quando começamos a perceber isso, entendemos o poder do passado”.  Margaret MacMillan

Este blog é um espaço dedicado à discussão de temas relacionados à história, religião e política. As discussões são sempre orientadas a partir de uma perspectiva histórica e o trabalho é desenvolvido com base em referências confiáveis e autores bem conceituados. A maior parte dos artigos aqui publicados são de minha autoria, além de algumas traduções e compartilhamentos de textos referentes a temáticas de interesse do blog, sugestão de leituras e eventualmente respostas a ataques pessoais de outras pessoas. Alguns textos estão estruturados de forma semelhante a artigos acadêmicos, outros são mais informativos, mas a discussão histórica está presente em todos e o objetivo é trazer ao leitor conhecimento e informação bem fundamentados numa linguagem acessível a todos os públicos.

BERTONE SOUSA

Sou professor no curso de História da Universidade Federal do Tocantins (UFT), mestre e doutor em História pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Desenvolvo pesquisas na área de história e religiosidades, com enfoque para os pentecostalismos, fundamentalismos religiosos e a relação religião e política no mundo moderno. Um dos resultados de minhas pesquisas está no livro “Fé e Dinheiro”, que o leitor pode ver no menu “Livros do autor”.

27 thoughts on “Apresentação

  1. Bárbara Dias 11/01/2013 / 16:25

    ‘Graças a deus’ vc não seguiu a carreira eclesiástica. rs

  2. Sandro Carvalho 16/08/2013 / 15:05

    Parabéns, Professor Bertone Sousa, por seu excelente site, por seus textos lúcidos, primorosos, altamente esclarecedores. Parabéns por sua notável inteligência e clara visão de mundo. Tenho acompanhado suas publicações, reflexões e ponderações no site, e tenho crescido muito com elas. Muito obrigado pelo extraordinário trabalho que você realiza através de sua lavra inspirada.

    • Bertone Sousa 16/08/2013 / 15:09

      Sandro, obrigado. O apoio dos leitores é sempre um grande incentivo pra continuar. Se puder, ajude a divulgar. Abraços.

  3. Sandro Carvalho 20/08/2013 / 16:35

    Não há de quê, Professor Bertone Sousa. Divulgo e continuarei divulgando seu site, pois, nesses tempos em que ultraconservadores reacionários, que pautam suas crenças e valores por antigos, superados, vencidos paradigmas, erguem, tal qual a lendária Medusa, suas cabeças e seus olhares horrorosos para hipnotizar e petrificar suas vítimas no claro intuito de obrigá-las a aceitar uma cosmovisão totalitária, fundamentalista, fascista, excludente, textos como os que você escreve são de inestimável valor para aqueles que buscam o conhecimento dos fatos sem os enganos, as falácias, as tolices, o cinismo dos cretinos que promovem o atraso e o obscurantismo em um tempo em que a humanidade precisa, mais do que nunca, da efetivação dos grandes ideais de liberdade, igualdade e fraternidade.

  4. Felipe 12/09/2013 / 20:34

    Bertone , eu realmente gostei muito do seu site , principalmente pelo fato de que é um dos únicos que eu encontrei, onde promove uma discussão baseadas em argumentos lógicos, e não apenas em citações de importantes filósofos, sobre diversos temas , os quais a nossa sociedade prefere negar do que discutir(como religião, política , etc..). Além disso , concordo em uma frase que você publicou no texto acima: “Saber se tornou mais importante do que acreditar”, e penso que devemos pesquisar, e ler muito sobre determinado assunto, e não basear-se apenas no senso-comum, para que promovemos maiores debates sobre temas “polêmicos”.
    Gostaria de parabenizá-lo pelos seus excelentes trabalhos , e espero que com eles possam promover leitores mais críticos.

  5. ROBSON 19/10/2013 / 15:30

    Parabéns doutor Bertone Sousa, pela sua dedicação intelectual, sobre temas bastantes polêmicos “religião, política e história”, realmente só para quem sabe mesmo.

    * Robson (Imperatriz – MA)

    • Bertone Sousa 19/10/2013 / 23:04

      Valeu Robson. Reitero meus parabéns por sua conquista. Estamos juntos. Abraço.

  6. Caio 26/10/2013 / 20:58

    Adicionado nos favoritos Bertone.

    Cheguei aqui através de publicação no facebook que aponta para seu último artigo ‘Quando dois extremistas divergem’. Apesar de assistir Olavo não sou seu seguidor, apenas fico atraído pela sua sabedoria assim como agora a sua me deixou mais ainda fascinado tanto quanto com seus pensamentos seu vocabulário e sabedoria. Estou sempre buscando leituras que quebram paradigmas e padrões muitos já ultrapassados e mais ainda distorcidos.

    Muito bom seu blog, meus parabéns e bons momentos

  7. Elizeu Josias DE Souza 03/02/2014 / 21:14

    Então você é professor que Olavo de Carvalho maltratou em seu canal no You Tube? O Sr. Olavo ta chamou de analfabeto, mas você é professor e não qualquer professor. Parabéns por seu blog, seus belíssimos artigos, sou seu admirador. Quanto ao Olavo, esse não me engambela mais.

    Se não for pedir demais, gostaria que um dia escrevesse algo sobre René Girard, conheci um pouco do pensamento de Girard através de Olavo de Carvalho, simplesmente fiquei espantado e admirado com a teoria de Girard.

    • Bertone Sousa 03/02/2014 / 21:50

      Elizeu, obrigado e seja bem-vindo também. Aquilo foi um grande blefe da parte dele, apenas a sovada estratégia que usa de tentar ter razão no grito e no esculacho. Apenas seu rebanho de olavetes se impressiona com isso. Respondi àquele vídeo no texto “Olavo de Carvalho e e pieguice intelectual brasileira” e depois teci outras críticas em mais textos que você deve ter visto.

      Confesso a você que não tenho ainda muita familiaridade com o pensamento de Girard, devido a meu envolvimento com pesquisas a partir de outros autores. Mas fica aí sua dica pra futuramente discutirmos a obra dele com atenção. Abs.

  8. Karen Fernanda 05/06/2014 / 10:36

    então, como eu me identifico muito com estes temas, vou ficar viciada no seu site rs
    gostei professor 😉

  9. eduardo 09/04/2015 / 16:36

    Prof. Bertone, quero começar lhe dando parabéns pelo blog,
    uma leitura muito agradável.

  10. Francisco de Assis Dorneles 18/07/2015 / 21:37

    Boa noite Bertone, eu ainda não tinha visto este relato sobre o teu passado religioso. Tenho uma coisa comigo que por mais que nós mudemos os nossos pontos de vistas, não perdemos os valores que nos formaram.
    E a religião quando vivenciada nos acompanhara, mesmo que passemos a ter uma outra ótica de tudo. Gostei da tua sinceridade.
    Com já te citei em postagens por aqui,mesmo não estando no meio religioso, ainda me considero espirita no sentido de acreditar na vida após a morte pela visão kardecista. Isto não vê ao caso.
    O que quero relatar é que o curso de História tem esta característica com pessoas que possuem um passado religioso. Vi casos de colegas na UFG que deixaram a religião.
    Um destes casos era de uma colega evangélico, tornou-se um ateu extremo rs. Um outro caso foi de um rapaz muito conhecedor de História Antiga, muito elogiado pela professora, doutora em história, que deixou o curso por conflitos com a sua fé evangélica.
    No meu caso talvez por vir de uma crença que pressupõe racionalista com é afirma o Kardecismo foi mais tranquilo para estudar antropologia por exemplo rs.
    Semelhante a você eu queria ter seguido a carreira acadêmica na área da história da religião. Comei um projeto com uma orientadora uma professor da ciências sociais dando uma discas para pesquisa.
    O tema era espiritismo em Goiânia, mas quando se entra nas questões humanas, o kardecismo não é diferente de nenhuma crença. Comecei a “mexer em caixa de marimbondo”, pessoas de época quando viram que uma pesquisa Histórica não é feita para agradar, e sim relatar, investigar o passado, “fecharam as portas para mim”.
    O espiritismo goiano das primeiras décadas do século XX, vivia o momento em que o sincretismo religioso não era um problema.
    Os primeiros presidentes de Federação Espirita Goiana frequentava o catolicismo a umbanda e o kardecismo.
    Mas ocorreram mudanças políticas, uma depuração onde não se podia mais aceitar esta democracia sincrética.
    Foi um período de brigas dentro da FEG, de expulsão de presidentes, e quando entrei nesta esfera dentro de FEG e de uma grande casa espirita goiana. A barreira, uma fonte chegou a me dizer que a História não iria registrar isto kkk.
    Deixei o meu projeto e a faculdade. Desculpe por tantas linhas mas é um relato que poderá servir de experiencia, juntando ao teu, a futuros acadêmicos em História.
    Abraços.

  11. Lucy 19/11/2015 / 13:57

    me apaixonei por este blog…. há tempos não via tanta sensatez.

  12. Duca Tambasco 02/12/2015 / 20:25

    adorei a descoberta do seu blog. ótima fonte de pesquisas e estudos. cheguei até aqui através do nome Olavo de Carvalho. hahahaha! não é que aquele lunático me levou a algum lugar que não suas afirmações bizarras?! hahahaha
    abç

  13. Mateus Roger 27/03/2016 / 15:41

    Sou um direitista, contra o movimento feminista contemporâneo e contra o racialismo, mas adoro seu blog, você realmente presta um ótimo serviço para a sociedade ensinando história e política com linguagem acessível, meus agradecimentos pelo seu trabalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s